O CEO da Binance anunciou que a exchange está em parceria com a Crypto Savanna, uma startup blockchain da Uganda, para ajudar no desenvolvimento econômico do país do Leste Africano, de acordo com um post no Twitter.

A Binance, a maior exchange de criptomoedas do mundo por capitalização de mercado, tem planos para ajudar a reforçar a economia da Uganda e criar milhares de empregos para os jovens. Changpeng Zhao, fundador e CEO da Binance, está atualmente no país onde está trabalhando com a comunidade blockchain local para explorar oportunidades de colaboração, incluindo uma reunião aberta realizada com a Blockchain Association of Uganda (BAU).

De acordo com o Tweet, Zhao diz que sua empresa está criando planos para “apoiar a transformação econômica e o emprego juvenil da Uganda através da blockchain, abraçando a 4ª Revolução Industrial.” O acordo diz que a parceria “fará isso criando milhares de empregos e trazendo investimentos para Uganda.”

Apesar do fato da Uganda ser rica em recursos naturais como café, tabaco, açúcar, metais e petróleo, é um dos países mais pobres do mundo. Um grande número de pessoas em muitas regiões da África não tem acesso a bancos, e mais de 30 milhões de africanos trabalham no exterior e mandam dinheiro para casa. Por causa disso, as tecnologias baseadas em blockchain que permitem que as pessoas se conectem com opções financeiras alternativas provavelmente encontrarão adoção em massa no continente, se implementadas adequadamente. Além disso, por causa da natureza descentralizada do blockchain, ele pode ser usado para evitar fraudes e corrupção – algo que muitas economias e governos africanos enfrentaram no passado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here